HISTÓRICO

 

O Departamento de Agrotecnologias e Sustentabilidade (DATS) foi fundado em dezembro de 2021 constituindo o terceiro Departamento do Instituto de Agronomia (IA). É produto da criação coletiva dos docentes da área de Ciências Agrárias do Instituto de Agronomia, gerenciados pelo trabalho da “Sétima Comissão Executiva de Reestruturação do Instituto de Agronomia (IA)”, criada através da portaria Nº 3966 / 2020 – IA 12.28.01.21. Os trabalhos realizados pela Sétima Comissão de Reestruturação do Instituto de Agronomia seguiram as normas do Regimento da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e as seguintes exigências foram, obrigatoriamente, atendidas: mínimo de dez (10) docentes, b) mínimo de 2 disciplinas obrigatórias e, c) 1 servidor técnico-administrativo.

No curto prazo (2022 a 2024), a criação do Departamento de Agrotecnologias e Sustentabilidade além de viabilizar a reestruturação do Instituto de Agronomia, também permitiu a criação do Instituto de Geociências. Dentro de um panorama de médio e longo prazo, para consolidar o novo Instituto de Agronomia, o DATS tem também um papel fundamental e desafiador.

Em 24 de fevereiro de 2022, o Departamento de Agrotecnologias e Sustentabilidade ganha a sua futura sede. O Conselho Universitário da UFRRJ aprova a cessão do Próprio Nacional Residencial, situado na Rua UW, como sede do Departamento.

A criação do Departamento de Agrotecnologias e Sustentabilidade se baseou na otimização dos recursos humanos e espaços já existentes no Instituto de Agronomia (salas de aula, laboratórios, áreas experimentais de campo e gabinetes), não implicando em nenhum investimento adicional para a UFRRJ. Desta forma, o DATS é composto por treze (13) professores, dos quais seis docentes migraram dos Departamentos de Solos e sete docentes foram transferidos do Departamento de Fitotecnia. O mesmo processo de migração também se aplicou para os servidores técnico-administrativos (dois provenientes do Departamento de Fitotecnia) e para as oito disciplinas que estavam sob a responsabilidade dos Departamentos de Solos e de Fitotecnia. Com relação às oito disciplinas que passaram a ser de responsabilidade do DATS, quatro (4) são obrigatórias: IA121 Introdução à Agronomia, IA125 Paisagismo e Meio Ambiente, IA109 Propagação de Plantas e IA325 Pedologia Aplicada e quatro (4) disciplinas são optativas: IA132 Geografia e Agroecologia, IA131 Agroecologia e Agricultura Orgânica, IA133 Produção e Fisiologia de Sementes e IA123 Plantas Medicinais e Aromáticas. Essas oito disciplinas atendem aos cursos de Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Geografia, Geologia, Biologia, Licenciatura em Ciências Agrícolas, e Engenharia Agrícola e Ambiental.

O Departamento de Agrotecnologias originalmente é constituído por treze (13) professores: Adelson Paulo de Araújo, Anelise dias, Antonio Carlos de Souza Abboud, Carlos Bucker, Claudia Rossetto, Érika Flávia Machado Pinheiro, Gabriel de Araújo Santos, João Sebastião de Paula Araujo, Leandro Azevedo, Marcos Bacis Ceddia, Nelson Moura Brasil do Amaral Sobrinho, Pedro Correia Damasceno Junior e Ricardo Mota Miranda. Na reunião do dia 03 de agosto de 2021, os professores Érika Flávia Machado Pinheiro e Adelson Paulo de Araújo foram eleitos, por unanimidade, à Chefe e Vice Chefe do Departamento, respectivamente. O Departamento possui uma técnica de laboratório: Fernanda da Silva Ferreira Oliveira e um técnico-administrativo Mauro de Brito, que também foram transferidos no momento de criação do Departamento. O referido técnico-administrativo se aposentou em outubro de 2022.

O DATS apresenta uma clara identidade com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU, pois tem como MISSÃO: “desenvolver ensino, pesquisa e extensão de excelência em diversos campos tecnológicos aplicados à agricultura, com a clara e inequívoca percepção da importância dos critérios de sustentabilidade.

O Plano Estratégico do DATS apresenta metas definidas para os planos de ensino, pesquisa e extensão nas seguintes áreas de concentração:

  • Agricultura Digital e Tecnologias de Produção;
  • Sustentabilidade dos Agroecossistemas;
  • Biotecnologia e Inovação.

As atividades de pesquisa constituem o necessário prolongamento da atividade de ensino e como instrumento para a iniciação científica, conforme aponta o artigo 4º da Diretriz Curricular Nacional (DCN) para o curso de Agronomia. As linhas de pesquisa do DATS contemplam atividades científicas claramente articuladas com as atividades de ensino e extensão e das especialidades dos docentes.

 

Últimas Notícias

- 30/11/2023 - 13:14

SELEÇÃO PARA BOLSISTAS DE APOIO TÉCNICO PROFISSIONAL À PESQUISA NA UFRRJ PROJETO FARMACOPEIA MARI’KÁ – META 01

Edital 49 – 2023 – PROEXT – Instituto de Agronomia – IA As Bolsas de Apoio Técnico profissional à Pesquisa leia mais


- 27/11/2023 - 16:01

E-book Solos do Rio de Janeiro – Gênese, classificação e limitações ao uso agrícola

Publicado em 23 de novembro de 2023. Este livro é reflexo de informações extraídas de conhecimentos pedológicos, revisão bibliográfica, pesquisas leia mais


- 23/11/2023 - 16:08

CURSO DE RECEITUÁRIO AGRONÔMICO

̶ Justificativa:  O Receituário Agronômico como um processo de caráter multidisciplinar para a busca e o entendimento da origem dos leia mais


- 12/11/2023 - 07:21

INSTITUTO DE AGRONOMIA NA SIC (SEMANA INTERNACIONAL DO CAFÉ)

Entre os dias 08 e 10 de novembro de 2023, na cidade de Belo Horizonte (Minas Gerais), aconteceu a Semana leia mais



Skip to content